Pesquisar ...

sábado, 29 de abril de 2017

Um conto que conta, reconta e possibilita novos contos sem desconto algum!

A Moça Tecelã
(Marina Colasanti)

Postei no Livrolegalpontocom o texto do livro, como ressalto lá, repito cá ... Nada substitui pegar, folhear o livro, ver as imagens construídas, mas... abaixo você poderá ler o texto despido da beleza e encanto que envolve o livro físico... Mas querendo pode conferir A Moça Tecelã
Aqui compartilho algumas reflexões ... questionamentos sem respostas ... exposições sem explicações...

Resultado de imagem para marinacolasanti

"Acordava ainda no escuro, como se ouvisse o sol chegando atrás das beiradas da noite. E logo sentava-se ao tear"... Assim começa este conto que conta, reconta e possibilita novos contos sem desconto algum!
"Nada lhe faltava... Na hora da fome tecia um lindo peixe..." Uma  mulher independente, que constrói a cada dia seus sonhos, desejos e possibilidades... Tenho em minhas memórias várias "Tecelãs" e uma delas nem está mais aqui ... Minha mãe que sempre dizia, "minha filha não dependa de macho nenhum", talvez por ter passado por muitos momentos em que quis destecer algumas coisas, pessoas ou acontecimentos e as linhas se embolaram e não conseguiu!Já partiu...
"Tecer era tudo o que fazia. Tecer era tudo o que queria fazer" ... Me vejo aqui ... Trabalhando dentro e fora de casa, Criando Filhos, Família, Marido, Contando histórias, Semeando aqui e ali, Estudando, Criando artes, porque é o que sei fazer e é o que eu quero fazer!É o que me dá prazer...
A moça tecelã trouxe alguém para a sua vida, tece um homem que em sua ideia seria um companheiro mas que na verdade era um abusador, que a fez tecer(trabalhar para alimentar seus caprichos), que a colocou, "escolheu para ela e seu tear o mais alto quarto da mais alta torre", no isolamento... Já não tinha vida, vivia para ele, perdeu sua identidade, sua autenticidade, simplicidade. Quantas mulheres são afastadas de seus amigos e familiares e de si próprias para que o abusador possa manter o controle de sua fonte de renda e prazer? 
Neste momento lembro de algumas tecelãs que estão no mais alto quarto da mais alta torre... Mesmo quando num "abismo sem fim"..."É para que ninguém saiba do tapete — ele disse" sempre uma desculpa recheada de boas intenções... "E antes de trancar a porta à chave, advertiu: — Faltam as estrebarias. E não se esqueça dos cavalos!" Mais exigências ... Não basta isolar, tranca-a, pois sem amigos e sem familiares, sem apoio vive-se como se de fato aquilo fosse o bem, o melhor...
Ele em nada acrescentou positivamente em sua vida, pelo contrario, deteve sua liberdade em se expressar, seus sonhos ele não valorizou, suas vontades ele não fez nem quis escutar...
"E pela primeira vez pensou em como seria bom estar sozinha de novo" ... Podem atirar a primeira pedra , mas as vezes é tão bom "estar sozinha de novo" ouvir o silêncio, sem "obrigações" ou "responsabilidades"... De vez enquando "eu fico sozinha" sozinha, as vezes "eu fico sozinha" com amigas rindo e tomando uma sopa, chorando e orando, passeando sem pressa de chegar ou voltar... Esse distanciamento me ajuda a destecer o que é urgente mas não importante...
Num "lapso" de consciência..."Levantou-se enquanto o marido dormia sonhando com novas exigências. E descalça, para não fazer barulho, subiu a longa escada da torre, sentou-se ao tear" Fico construindo em minha mente essa imagem libertadora, na calada da noite pois ela vivia calada... Porém agora não iria tecer e sim destecer ... desfazer a trama, os pontos criados, desmanchar e desmanchar-se; desentretecer e desentretecer-se,  desfazendo-o se desfazer-se para se refazer num novo amanhecer... A dualidade da liberdade e o amor; valores materiais e a afetividade; autonomia e a submissão... Muitas vezes não conseguimos ter certeza onde começa uma e termina a outra , foi escolha ou imposição ... 
Colasanti se vale desse conto para representar o sentimento de muitas pessoas, as dores e o sofrimento de algumas mulheres, mas não só delas pois acredito que todos possam se ver como a tecelã em algum momento de sua vida, quer seja num relacionamento de amizade abusiva, ou romance, relação profissional e/ou familiar que o destecer se faz necessário para poder voltar a viver!Pois não basta somente sobreviver...
Essa obra é um "conto de fadas" as avessas... Hoje em dia tem mudado as perspectivas em relação ao "Príncipe Encantado", pois a bem pouco tempo atrás a felicidade de uma mulher se restringia a se casar ter filhos e cuidar de seu lar... Mas fico pensando com tanta liberdade e conquistas, empoderamento e formação, as mulheres são mais felizes ou mais atarefadas? Estão mais realizadas ou estressadas? Volta a dualidade? Não sei ... 
Porém " como se ouvisse a chegada do sol, a moça escolheu uma linha clara. E foi passando-a devagar entre os fios, delicado traço de luz, que a manhã repetiu na linha do horizonte" , existe sempre a possibilidade de tecer um recomeço, começar de novo, retomar, começar a ser mais uma vez, a produzir e produzir-se novamente, com a luz de um nova manhã...

Resultado de imagem para "O choro pode durar uma noite , mas a alegria vem ao amanhecer"






quinta-feira, 27 de abril de 2017

12º Simpósio de Educação Paulus!!!


Uma oportunidade muito interessante!
Acesse o link e tenha mais informações!


07h00 às 08h00 - Credenciamento
08h30 às 10h00 - Palestra: Tendências da literatura infantil contemporânea e sua repercussão na formação de leitores - Eliane Debus
10h00 às 10h30 - Coffee Break.
10h30 às 12h00 - Mesa de debate - Literatura infantil e juvenil: gêneros, leitura e ensino - Mediadora - Eliane Debus.
13h30 às 15h30 - WORKSHOPs Diversos assuntos para escolher!



Encontro das Virtudes!!!Parceria da Livraria Nobel e os Contadores do Reino!!!

Quem saberá contar os poderosos feitos do Senhor? 

Já cantamos e contamos sobre AMOR, ALEGRIA, VERDADE, ... No próximo encontro, vamos falar sobre a virtude da HUMILDADE!
Uma parceria linda entre a Livraria Nobel Mais Shopping Largo 13 e os Contadores do Reino, propiciando #féculturaeducação!!!! 


R. Amador Bueno, 229 - Santo Amaro - São Paulo


Muitas histórias, músicas, sorteio ... 








(11) 97715-6521 
www.facebook.com/ContadoresdoReino

Esperamos vocês!!!


segunda-feira, 24 de abril de 2017

Dica Cultural!!!Biblioteca Malba Tahan... GRATUITAMENTE! "Compalhaçaria"...

Olha o que eu achei pesquisando na internet! Vai ser a próxima dica na agenda!!!



Você já foi numa Biblioteca? O que tem na Biblioteca?
Livros, leituras e especialmente no dia 30/04 às 11hs...
Na Biblioteca Malba Tahan... GRATUITAMENTE!
Compalhaçaria
Com Lucas Bueno, Mizael Alves e Diyo Coêlho
"Comparlhaçaria" da Fajuta Comparsaria, formada pelos palhaços Lucas Branco e Mizael Alves além do músico Diyo Coêlho, propõe uma lembrança das duplas de palhaços de antigamente. O espetáculo é guiado por uma dupla atrapalhada e entoado por gags, canções e esquetes clássicas do circo tradicional brasileiro tendo sua renovação conforme os dias atuais. O público é convidado a embarcar nessa viagem que transcende os tempos pelos palhaços Zóim e Tóin-Tóin.
Rua Brás Pires Meira, 100
Jardim Susana/Veleiros
Tel.:11 5523-4556



Já tem a carteirinha de empréstimo de livros? Aproveite e faça, é gratuito!!! 
Leve documento com foto e comprovante de residência!


quinta-feira, 20 de abril de 2017

Dica para amanhã!!! Zig & Zag Show...


Compartilho sempre que eu posso dicas com meus alunos, e esta eu compartilhei hoje!!!
As vezes um toque , uma dica ajuda a conhecermos lugares, possibilidades...
As dicas tem três coisas básicas:

1) Gratuito!!!
2) Voltado para crianças!!!
3) Cultural!!!

Já tive muitos retornos dessas dicas, Pais, Avós que relataram que a partir dessas dicas passaram a ir em diversos lugares até então desconhecidos... 
Em alguns momentos as próprias crianças cobram dicas ... kkkkk





segunda-feira, 17 de abril de 2017

Livraldo ... Multiplicando e sendo multiplicado!!!

Ganhei o Livraldo, um livro que mexe a boca, um grande fantoche... Anos atrás, de uma Querida, amiga, Contadora de histórias Cida Turra e escritora ( Livro: Acontece ) e desde então tenho usado em diversas situações de conversa, incentivo e valorização de Leituras! 

Foto de uma postagem ... sobre o Pic Nic Literário

Já esteve em praças, parques, escolas, igrejas e uma outra Querida, Marina me pediu emprestado numa das formações que realizei neste último mês de março e ela usou na escola em que está estagiando e vejam que graça de criatividade e possibilidades!

                                                                                 
                                   
... multiplicaram com estéticas bem divertidas...


... fiquei pensando... é uma escola particular, mas que tem funcionárias que não ficam esperando as coisas virem prontas...

... e o legal é o crescimento tanto individual como coletivo em relação a teoria e prática educacional!

   
(Fotos enviadas a mim por watts por Marina Flaviana!)

... queria ser uma mosquinha para ver a carinha das crianças interagindo com essas Educadoras e materiais... Eu amo receber esse retorno de pessoas que de alguma forma eu influenciei positivamente e que estão influenciando outros e gosto de dar esse retorno às “fontes que bebo”!
Me anima!
Me inspira a seguir em frente!
Gratidão!!!


Aconteceu ... em 20 de março!!!

Aconteceu ... e já estou pensando no próximo, pois o que é bom a gente quer mais e mais!
A ideia surgiu da amada Andreia Sousa ( https://www.facebook.com/andrea.sousa.562 ) , e estive envolvida através dos Contadores do Reino ( https://www.facebook.com/ContadoresdoReino/ )!
Uma agitação gostosa na cidade agitada de São Paulo, em que Contadores de histórias diversos estavam em lugares diversos contando, semeando, regando imaginação, amor, respeito, reflexões, práticas!
Eu estive na EMEF Rizzini em Sto. Amaro em duas sessões em que me abasteci também de possibilidades, sonhos e inspirações, pois as vezes a gente pensa que vai se dar em uma ação voluntária e retorna com um ganho que nenhum dinheiro do mundo pode dar! Não quero aqui dizer que a remuneração não seja necessária, pois as contas precisam ser pagas, mas tem alguns momentos que não são para os outros, são para nós mesmos!


Comecei com Memórias, histórias, cheiros e sabores, minha produção autoral! E falar para outros de como surgiu essa história, de como foi difícil colocar em prática, mas que consegui! Graças a amigos, e principalmente Deus! E reforcei que embora muito difícil, não foi impossível! Que se eles querem algo e está difícil não desistam, mas sejam perseverantes mesmo com pessoas te desanimando, falando que não é pra vc ou que não vai dar certo... Olhe para seu objetivo! Pois foi o que eu fiz e tento continuar fazendo!

(Foto cedida pela Professora da escola)
Outras histórias vieram juntas ... A Maria, que sempre ia com as outras... A semente da verdade, que nos instiga a falar a verdade mesmo quando todos falam mentiras!

E sobre isso estou pesquisando sobre a pós verdade, pois alguém me interpelou dizendo que a Verdade já foi absoluta, depois relativou-se e agora estamos numa “nova era” a chamada pós verdade ... mas isso vai ser tema de uma nova postagem! kkkkkkkkkkkkkkk
Uma sala em especial me convidou para ir conversar com eles reservadamente, perguntaram como se deu a construção do livro/história, queriam saber de aspectos pessoais também ... e até convite para escrevermos um livro juntos recebi, foi marcante! Esqueci todas as dificuldades que tive para chegar na escola e fazer as sessões... Tiramos fotos, nos despedimos e construímos memórias afetivas incríveis!


... ouvidos e olhos atentos a tudo o que estava sendo falado! kkkkkkkkkk


E minha filha que é a inspiração da estética da ilustração estava lá também e sou muito feliz em tê-la junto comigo! Essa menina negra linda que caminha a direita na foto!


As crianças queriam tirar foto com ela, perguntaram várias coisas...
Abraços Literários!!!





sexta-feira, 14 de abril de 2017

OFICINA DE CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS : SEMEANDO E AFIANDO LÍNGUAS ENCANTADAS COM ANDREA SOUSA!!!

Super dica ... Recomendadíssimo!!!
Minha amiga, companheira nos Contadores do Reino, defensora e promotora da arte narrativa e Contadora por excelência!
Da esquerda para a direita ... Cida Turra,Elaine Cantarinho, Andrea Sousa, Marilei Marçalobre, Arlete Souza e Rose Camilio! Gestoras do Coletivo Contadores do reino https://www.facebook.com/ContadoresdoReino/ !


A Biblioteca Prestes Maia promove a oficina SEMEANDO E AFIANDO LÍNGUAS ENCANTADAS.  A oficina trata da Arte da Palavra, da significância de ouvir e contar histórias , do seu valor e aplicação cultural/integrativa/pedagógica e curativa.  Destinada tanto para os que se interessam, apreciam a arte de Contar e querem potencializar o Contador de Histórias que CADA UM TEM EM SI, como aos  que já desenvolvem esta  arte integrativa e buscam  fortalecer suas práticas. A oficina  tem a duração de 6 meses, com encontros quinzenais aos sábados, das 10 às 12:30. Acontece na Sala de Oficinas - 3º andar. Av. João Dias, 822 em Sto. Amaro. Com 25 vagas.  Os interessados devem enviar email para  bmprestesmaia@gmail.com  com cópia para asatoinha@gmail.com, falando porque querem fazer a oficina em até 10 linhas. 

INSCRIÇÕES  de  10 a 20 de abril, pelo email:  bmprestesmaia@gmail.com   Ou pelo telefone :  5523 8418, com Isabel  ou Amélia.

A Oficina será  certificada pela Biblioteca Prestes Maia e ministrada  por Andréa Sousa: Comunicóloga, pós graduada em Comunicação e Marketing, Especialista na arte de Contar histórias, Leciona Contos populares e Literatura de Cordel na Pós Graduação : A  arte de Contar Histórias -abordagens poéticas, literárias e performáticas na A Casa Tombada e  Mediação de leitura para crianças na Pós Graduação: Linguagens da Infância no UNIÍTALO, Palestrante e contadora pela Fundação ABRINQ. Escritora, mediadora de leitura. Militante pela Arte Narrativa, integrante  fundadora dos Coletivos: Línguas Encantadas e Encantantes e Contadores do Reino.

CRONOGRAMA E ROTEIRO DA OFICINA

- MAIO  7 e 21 : PORQUE CONTAR É PRECISO? CONTAR: FORMAS, SIM; FÓRMULAS, NUNCA!

- JUNHO  11 e 25:  DA ESCOLHA, TRATO , TREINO E APRESENTAÇÃO DO CONTO.

- JULHO   8 e 22 :  SINTONIAS E SEDUÇÕES A SERVIÇO DE SUA MAJESTADE - O PÚBLICO!

- AGOSTO 12 e 26: CONTOS LIDOS -  LEITURA EXPRESSIVA: O CONTO SALTA DO LIVRO, CANTA NOS OUVIDOS E CALA NO CORAÇÃO!

- SETEMBRO  9 e 23:   CONTOS POPULARES - O BANQUETE DE NOSSA IDENTIDADE CULTURAL.

- OUTUBRO  7 e 21: ERA UMA VEZ  DE VÁRIAS VEZES.   OUTRAS FORMAS DE SERMOS FELIZES PARA SEMPRE!